domingo, 9 de janeiro de 2011

Crônicas e Indagações Femininas: "Medo de que?"


Ficante, Peguete, paquera...qualquer coisa menos N-a-m-o-r-a-d-a. Vocês saem por semanas com a mesma garota, adoram ela, a companhia, o carinho, mas não tem jeito, chamam de tudo, menos de namorada. Como se assumir um namoro fosse assumir um compromisso eterno que jamais pudesse ser rompido. Qual é, nem casamento é assim!

Namorar é gostoso, é leve e faz bem pra todo mundo. Mais prático namorar do que ficar naquele “não-sei-o-que” que pode trazer inúmeros constrangimentos. Começa que você nunca sabe se leva a menina nas festas de familiares e ela nunca sabe se deve chamar você, afinal, vocês nem sabem o que são! Fora que fica naquela coisa do liga-não-liga no final de semana porque se não são namorados ligar pode parecer forçar a barra ou ficar no pé. Ainda tem a possibilidade de um ver o outro acompanhado de um terceiro, afinal, se não são namorados não têm compromisso um com o outro, certo?

E quando chega o dia dos namorados? Aí pronto, danou-se tudo, comprar ou não comprar presente? Reservar ou não o motel e o restaurante pra uma noite romântica e comemorativa? Ixi agonia! E as amigas e amigos? Os solteiros (definidos) nunca sabem se fazem convites para programações de solteiros e os não-solteiros (definidos) não sabem se chamam pra programações de casal. Ah quanta confusão desnecessária! Meninos parem com medo bobo de assumir relacionamentos, a gente não morde (só se vocês gostarem, claro!) e também não vamos nos achar donas de vocês só porque temos o título de namorada, vamos achar isso de todo jeito! (hahahaha) Brincadeirinha.

A grande verdade é que é extremamente irritante e broxante essa coisa não definida, esse não saber exatamente até onde podemos contar com vocês ou não. Se estamos sozinhas ou acompanhadas. É melhor vocês começarem a se livrar do medo, do contrário vão acabar sem namoradas (possíveis) bem bacanas porque perderam o time.  Aviso: esperar caaaansa demais, ainda mais pra quem usa salto, fica a dica.

Um comentário:

  1. Ameii a reportagem, q é a realidade de muitos.. Rss..
    Parabéns!!
    Bjos. Lilinha Trajano

    ResponderExcluir