domingo, 24 de julho de 2011

LER, VER E OUVIR - Julho

O universo masculino é composto de grandes heróis, isso todo homem sabe. Precisamos de ícones, exemplos de hombridade, heroísmo e caráter. Homens que se destacam, viram referência e por isso tudo viram heróis e ícones de uma era. Foi partindo desse princípio que fizemos uma seleção de livros, filmes e cds que representassem bem esse universo. Grandes figuras, heróis de guerra, escritores, fotógrafos, cantores. Homens como o fundador da liberdade do erotismo como Hugh Hefner, como o grande cantor Jimi Hendrix ou ícone da TV como Hugh Laurie. Atrelado a tudo isso, um toque de erotismo em belas fotos de mulheres no ápice do prazer. Entretenimento para ver, ler e ouvir durante todo o mês e começar bem a semana. Espero que curtam! Té a próxima!
( 1 ) GUERRA - Para quem gosta de um bom relato de guerra, o livro Guerra é uma ótima opção. Durante quinze meses, Sebastian Junger e Tim Hetherington conviveram com um pelotão de infantaria do exército dos Estados Unidos, baseado no vale Korengal, uma remota área do leste do Afeganistão. Das cinco viagens à região, feitas entre junho de 2007 e junho de 2008 resultaram o documentário Restrepo (codirigido por Hetherington), vencedor do Grand Jury Prize do festival de Sundance e indicado ao Oscar de melhor documentário de 2010, e o livro Guerra de Junger, publicado pela Intrínseca em junho. Esse porém, será o último relato pessoal do jornalista Sebastian Junger, autor de Guerra e codiretor de Restrepo, pois ele não cobrirá mais a linha de frente de conflitos. De acordo com entrevista publicada pelo jornal Los Angeles Times, Junger tomou essa decisão após a morte de Tim Hetherington, seu amigo e fotojornalista que o acompanhou ao Afeganistão para as filmagens de Restrepo, ocorrida em abril, na Líbia, durante a cobertura dos combates entre as tropas de Muammar Kadafi e oposicionistas.

( 2 ) BEN HARPER - Give Till It’s Gone é o décimo álbum de estúdio e o primeiro disco solo desde 2006 do ganhador de dois prêmios GRAMMY e um dos maiores artistas da atualidade, Ben Harper. Inspirado pelo rock n’ roll, o álbum traz duas faixas co-escritas com o lendário baterista dos Beatles, Ringo Starr, nas quais ele também toca bateria: a exuberante Spilling Faith, com toques psicodélicos, e Get There From Here, um instrumental de improvisação. Ringo convidou Ben para participar de seu álbum de 2010, Y Not. Com Give Till It’s Gone, Ben examina a disparidade entre o homem que ele é hoje e o homem que se esforça para ser. Buscando lá no fundo de si mesmo, ele descobre que não há respostas fáceis, mas nos implora para percorrer a seu lado a distância desta jornada que se expressa na comovente faixa de abertura do álbum, Don't Give Up On Me Now. Embora suas músicas sejam muito pessoais, Give Till It’s Gone ilumina a luta universal para encontrarmos significado e nos envolvermos totalmente com a vida e uns com os outros.

( 3 ) MAD MEN 3º Temp. - Uma das séries de maior sucesso no mundo atualmente, provocando os telespectadores e a crítica com muito charme e estilo ao retratar o mundo conflituoso de Don Draper (Jon Hamm), o mais bem cotado publicitário do mercado (e também entre as mulheres), e de seus colegas de agência de publicidade Sterling Cooper. Enquanto executa uma excelente performance na sala de reunião e na cama, Don se esforça para manter-se na vanguarda das rápidas mudanças de seu tempo e à frente dos jovens executivos que competem com ele. A série mostra de forma autêntica os papéis de homens e mulheres nessa época, ao mesmo tempo em que explora a verdadeira natureza humana, acobertada pelos valores familiares tradicionais dos anos 60. Ambientada na Nova York da década de 60, Mad Men, uma série dramática, sexy e provocante, mostra as difíceis e competitivas vidas de homens e mulheres da indústria da publicidade da Avenida Madison.

Desde a sua estreia a série foi premiada com um Emmy de melhor série dramática, dois Globos de Ouro de melhor série dramática para televisão, o prêmio Peabody, o prêmio Producers Guild, dois prêmios Writers Guild, e o prêmio da AFI por estar entre as 10 melhores séries da televisão em 2007 e 2008. Nessa sua terceira temporada, o mundo de Mad Men aponta agora para uma nova direção: como o mundo dos negócios e a vida pessoal de Don Draper tornam-se ainda mais complicados, repleto de escândalos e revelações bombásticas. Mad Men - um retrato chocante de um tempo que não era nada inocente. Nada é tão sexy. Nada é tão provocante. Nada é como parece.


( 4 ) POWER OF SOUL, A TRIBUTE OF JIMI HENDRIX - Ao contrário da maioria dos CDs de tributo a Jimi Hendrix, Power Of Soul deixa de lado o aspecto roqueiro do guitarrista, focando mais no seu lado Rhythm&Blues. A gama de artistas envolvidos nessa homenagem conta com Goodie Mob rapper Cee-Lo, Prince, Chaka Khan e Kid Rock, Kenny Olson, o supergrupo formado por Carlos Santana, Corey Glover, Stanley Clarke e Tony Williams trazendo um groove sólido à "Spanish Castle Magic.", fechando com uma apresentação ao vivo inédita de Stevie Ray Vaughan tocando “Little Wing”.

( 5 ) ONDE OS HOMENS CONQUISTAM A GLÓRIA: A Odisséia de um Soldado - Mais um instigante livro com temática de guerra. Dessa vez envolvendo um astro do futebol americano. Jon Krakauer reconstitui a trajetória de Pat Tillman - morto no Afeganistão e um dos principais ícones do patriotismo pós -11 de setembro - e expõe a farsa arquitetada para encobrir aquele que se tornaria um dos mais emblemáticos escândalos militares da era Bush. Pat Tillman era um astro do futebol americano na época dos ataques terroristas ao World Trade Center. O evento despertou nele a obrigação moral de se juntar às forças armadas do então presidente George W. Bush em sua cruzada contra o terror. Às vésperas da temporada 2002 da Liga Nacional, Tillman renunciou a um contrato de quase 4 milhões de dólares para passar os três anos seguintes como soldado de infantaria.

Enviado ao Iraque e ao Afeganistão, Tillman foi morto acidentalmente por um colega após uma sequência de manobras equivocadas de sua unidade de combate. A reação oficial foi um cínico encobrimento da verdade aprovado pelos mais altos escalões do governo e uma série de investigações que resultariam ineptas não fosse a determinação de Dannie Tillman em descobrir o que acontecera com seu filho. Em uma pesquisa de fôlego, Krakauer reconstrói a trajetória de Pat Tillman e revolve a campanha de desinformação do governo americano para que a verdadeira causa de sua morte jamais viesse à tona.

( 6 ) HUGH HEFNER: PLAYBOY, ATIVISTA E REBELDE - Documentário com um olhar revelador sobre o excêntrico fundador do império Playboy. Com humor e perspicácia, o filme mostra as batalhas ferozes de Hugh Hefner contra o governo, a direita religiosa e militantes feministas. Imagens e entrevistas raras com Hefner e um notável acervo de depoimentos de várias personalidades da cultura pop do século 20, como George Lucas, Jesse Jackson, James Caan, Tony Bennett e Gene Simmons fornecem um retrato brilhante e divertido da vida de um homem extraordinário e as controvérsias que o rodeavam.

( 7 ) BRAVURA INDÔMITA - Vencedor do Oscar em 2010, Bravura Indômita relata a história onde ninguém põe fé que uma menina de 14 anos possa sair de casa e viajar em pleno inverno para vingar a morte do pai. A jovem protagonista tem de enfrentar homens violentos e a própria inconstância de seus aliados. Sua obstinação, no entanto, tem a capacidade de enfraquecer toda e qualquer resistência ao seu redor.

( 8 ) LA PETITE MORT - O escritor francês George Bataille dizia que “o erotismo é uma afirmação da vida que se estende até a morte” e, citando Marquês de Sade, emendava dizendo que “não há melhor maneira de se familiarizar com a morte do que associá-la a uma idéia libertina”. Foi um dos principais pensadores a trabalhar a expressão popular la petite mort (a pequena morte), que designa o momento transcendente que acontece a partir do orgasmo. Com um título significa "a morte do pequeno", um eufemismo para o orgasmo, 37 mulheres se masturbaram exuberantemente para o fotógrafo canadense Will Santillo que partiu para revelar a diversidade e a criatividade com que as mulheres se aproximam do orgasmo através da masturbação. E assim pode retratar a beleza e o erotismo de mulheres comuns no auge da beleza do orgasmo - muito mais rica do que a masculina. Santillo diz que pretende descobrir a face oculta de seus súditos, e de fato, o melhor é a cara que mostram a intensidade da resposta nestas fotos artisticamente explícitas e exuberantes em tons de sépia. Intimidade e provocação ao extremo.

( 9 ) LET THAM TALK – Hugh Laurie - O intérprete do médico House, na série de mesmo nome, é um homem que atua em várias áreas. Além de protagonizar a série, Hugh também é escritor e músico. Seu personagem na série, inclusive, já apareceu várias vezes com uma guitarra na mão, tocando o instrumento. Agora é a vez do ator deixar seu lado cantor vir realmente à tona. Hugh Laurie acaba de lançar um álbum de blues chamado Let Them Talk, que pode ser adquirido pela internet, inclusive sendo disponibilizado para download no site oficial do ator/cantor. A faixa Guess I’m Fool, que você pode conferir abaixo, faz parte do setlist do novo álbum, confira:



Consulta: Americanas.com, Livraria da Travessa, Livraria Cultura, Livraria Saraiva, MicroLar

Siga a MENSCH no Twitter: @RevMensch e baixe no iPad, é grátis: http://goo.gl/Ta1Qb

Nenhum comentário:

Postar um comentário