domingo, 14 de novembro de 2010

BALADA MENSCH: As Melhores Baladas no Mundo


HOJE, nada que é SIMPLES causa impacto e consumo; e pra lascar tudo, mudaram as coisas de nome para triplicar de preço: Sorveteria agora é Gelateria (uma bola de sorvete é mais cara que um pen drive 3 gb); kitnet é home service; padaria é delicatessen; e puta agora diz que é modelo. E como se não bastasse, neguinho ainda coloca tudo em francês, por exemplo; bistrô (restaurante escuro, pequeno e caro), souvenir (loja de presente inútil, pequeno e caro), petit gateu (bolo com sorvete caro); ménage à trois (sexo com duas “modelos” caras) e se colocarem puta barata? Aí fica Suruba mesmo.
E quanto às baladas não podiam ser diferente. Há algum tempo, empresas como a SednaClub, se especializaram em organizar eventos visando oferecer luxo e exclusividade.  Os seus “consumidores” buscam fazer parte de um seleto grupo de pessoas propícias a desfrutar o que existe de melhor no mundo, custe o que custar.
Primeiro imagine chegar numa megalópole e dar de cara com aeroportos congestionados de jatinhos particulares, bem, já é sinal que tem festa boa vindo por aí, também não se assuste se seu vizinho de quarto seja um shake árabe fazendo uma prévia com Naomi Campbel e Alessandra Ambrósio. E ao entrar festa adentro, Athina Onasis será àquela menininha chatinha que não fala com ninguém e vai te dar um fora; tudo bem, terá Paris Hilton e Lindslay Loham para salvar a pátria.
E parece que ninguém desliga; o que será que dá tanta energia? Ver o pôr do sol no Café Del Mar, em Ibiza, descansar às margens do Rio Prata, após o Cremfields, em Buenos Aires, passar o verão em Mykonos, na Grécia, assistir as corridas em St. Tropez, ou finais de Semana em Jurerê Internacional.
E se você ainda tiver fôlego, ou rins; para lhe ajudar na difícil missão de escolher a próxima balada, trazemos o ranking das três melhores noites do mundo, segundo a conceituada revista britânica Dj Mag.

O TOP DAS BALADAS MUNDIAIS

O 1°lugar foi para a alemã Berghain, que fica situada dentro do porão de uma antiga fábrica “abandonada”, por sinal, quem julga pela fachada nunca vai imaginar que ali funciona uma boate. Costuma receber DJs como Paul Van Dyk e Gunnar Styller, além do som, um grande diferencial é a iluminação, que até lembra um pouco com a da finada Nox (Recife).



A prata ficou com o club mais tradicional e visitado de Londres, a Fabric, estabelecida dentro de um antigo mercado de carne. Um detalhe que “assusta”, é que existem caixas de som e altos falantes no chão da boate, isso mesmo, dando a sensação que o chão está tremendo. Recebe nomes como Carl Cox, Fat Boy Slim e Armin Van Buren para tocar nos finais de semana, que atraem filas de dobrar os quarteirões da Charterhouse Street.



Na 3° posição, ficou com o Club Space, em Ibiza, que recebe Djs como Carl Cox, Tiesto e Kehakuma. O Club tem 20 anos de experiência, e é considerado pela revista o melhor lugar para pegação. O seu interior, está sempre se reinventando e nenhuma noite é igual a outra, a impressão que se têm é que você esta dentro do palco do Circ Du Soliel.



E AQUI NO BRASIL...


Ah, o Brasil também não ficou fora do ranking, a paulista D-Edge, ficou em 9° lugar, surgindo como uma opção para o público mais descolado e alternativo. Tem noitada de segunda a segunda e o som foi considerado o melhor do País. As atrações internacionais são presenças constantes e possui um sistema de iluminação que possibilita o chão, o teto e as paredes mudarem de cor. Alem disso, não há divisão entre os banheiros masculino e feminino, porém, a segurança é reforçada para que ninguém estenda a noite ali mesmo.


Então, aproveitando que é feriadão, chama Eike Batista de papai, corre pra o hangar do aeroporto mais próximo, que é dia de tomar umas birita.

4 comentários:

  1. Agradeço a dica para o próximo final de semana, pois estou no Rio sem possibilidade de amanhã verificar esse ambiente da D-edge que deve ser show.

    ResponderExcluir
  2. jovem em qualquer tempo está ligado em impacto e consumo e, nos tempos de hoje a balada é o habitat preferencial para tornar uma noite inesquecível ... até a próxima balada ...

    ResponderExcluir
  3. adoooro tudo que você escreve! próximo mês estou indo passar as férias na Alemanhã e não vou deixar de curtir a Berghain ! curiosa para os próximos posts

    ResponderExcluir
  4. ahahahaha muito legal a materia deco, baladas e viagens around the world! curti muito!!

    ResponderExcluir