segunda-feira, 30 de maio de 2016

FITNESS: Coaching Esportivo é a nova estratégia para atletas alcançarem resultados

Faltando cerca de dois meses para as Olimpíadas do Rio de Janeiro, os atletas e profissionais que atuam no esporte de alto rendimento estão focados em uma única meta: vencer. Nesse sentido, o coaching pode ser um aliado do desempenho de esportistas e equipes, tão importante quanto preparadores físicos, psicólogos e nutricionistas. Isso porque as sessões de coaching para atletas trabalham com técnicas que favorecem a concentração, a autoestima, a motivação e a disciplina. Além disso, traz reflexões ligadas à superação e determinação e até ao gerenciamento da carreira em longo prazo.

O coaching esportivo direciona os profissionais e atletas a enxergarem de forma clara as metas e os caminhos que levam aos resultados positivos. “As vitórias e derrotas, bem como os desafios impostos pela profissão, podem ser analisados de forma ampla para que, com a reflexão, busquem-se pontos de melhoria para a carreira”, explica José Roberto Marques, Master Coach Sênior e Presidente do Instituto Brasileiro de Coaching – IBC.

O PAPEL DO COACHING E DO TÉCNICO

As funções do coach esportivo em nada se comparam às funções do treinador (técnico), que possui conhecimentos específicos sobre como deve ser a atuação prática do atleta. Tal treinamento é direcionado ao alcance de um bom desempenho e resultados práticos.

Já por meio do coaching esportivo será trabalhado o desenvolvimento pessoal e profissional do atleta, de forma que não interfira (e, sim, complemente) no trabalho técnico de uma equipe ou de um esportista solo. A metodologia auxilia ainda a traçar objetivos e alcançar os resultados almejados. “Proporcionamos ao atleta condições de estabelecer um plano de ações para chegar à meta proposta e trabalhamos os obstáculos que surgem no trajeto”, enfatiza Marques. O próprio treinador técnico pode receber o auxílio de um coach esportivo na tentativa de obter da equipe ou atleta solo resultados satisfatórios. Países da Europa e os Estados Unidos utilizam esse método de treinamento já há alguns anos, e têm observado o ótimo desempenho físico, técnico e mental de seus esportistas, que seguem acumulando vitórias. 


RIO 2016

O presidente José Roberto Marques é Coach do velocista paraolímpico Lucas Prado, que busca o ouro nas Paraolimpíadas do Rio 2016. Durante a preparação para os Jogos, Marques atuará junto ao atleta e sua comissão técnica através de sessões, treinamentos e acompanhamento em Coaching. “O Lucas é um Ser Humano fantástico que tive o prazer de conhecer e agora podemos juntos trilhar um caminho de muito sucesso. Espero que seja apenas o começo de uma grande e bela jornada”, ressalta o presidente do IBC.

“O Coaching tem ajudado a clarear minhas decisões para alcançar meus objetivos em médio e longo prazo. Tenho aprendido a não reclamar quando algo dá errado e, sim, transformar em aprendizado”, conta Prado, afirmando que as sessões de Coaching ajudam também a administrar seu treinamento por meio de metas claras e bem definidas. “Quero que o Coaching seja um acompanhamento contínuo na minha trajetória profissional, não somente por ocasião das Paraolimpíadas, uma vez que acredito que as ferramentas me ajudarão muito nessa fase atual e também na minha transição de carreira”, completa o atleta.

BENEFÍCIOS DO COACHING ESPORTIVO

- Maior comprometimento com resultados;

- Motivação pessoal e profissional;

- Capacitação e desenvolvimento de habilidades esportivas;

- Comunicação efetiva;

- Capacidade de tomar decisões assertivas, de maneira rápida;

- Desenvolvimento de foco, comprometimento e disciplina;

- Inteligência emocional;

- Autoconhecimento e autodesenvolvimento contínuo;

- Definição de objetivos e prioridades;

- Boa performance nas competições;

- Trabalho em equipe

Nenhum comentário:

Postar um comentário