sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

ESTRELA: Giovanna Lancellotti simplesmente linda e sexy

“Uma menina comum”, é assim que Giovanna Lancellotti se define de forma bem modéstia. Para nós ela não passaria despercebida e de comum não tem nada. Com ares de sapeca e o jeito tranquilo de menina legal para bater um papo na praia ou uma dança numa boate, Gio (já nos sentimos íntimos) é pura paixão. Nos encanta até fazendo a mazinha da novela das 7h. Assim como nos deu vontade de colocá-la no colo e cuidar quando sofria na mão do marido em “Gabriel”. Se você não assiste novela e não sabe de nada disso, apenas se surpreenda com essas fotos e essa gostosa entrevista. Gio é assim, apaixonantemente simples. Suave como o pôr do sol na praia e forte como uma balada à noite. Esse verão é dela e ninguém tasca! Pelo menos para nós!

Em 2011 você ganhou o prêmio de “atriz revelação” por “Insensato Coração”, sua primeira novela. Como foi começar com o “pé direito”? O que significou para você? Foi maravilhoso! Eu lembro que na hora, eu não acreditava que o Faustão tinha falado meu nome! (risos) Era minha primeira novela e eu estava tão nervosa e tão emocionada ao mesmo tempo de ter sido indicada! Com certeza significou muito e me deu ainda mais certeza de que era isso que eu queria fazer da minha vida pra sempre! 

Aos 22 anos, com quatro novelas e personagens importantes no currículo. Como avalia sua trajetória até aqui? Que dificuldades enfrentou? Muitas! Graças a Deus eu tive a sorte de pegar papéis completamente diferentes um do outro e isso me deu mais flexibilidade pra mostrar o meu trabalho e vertentes minhas. Ao mesmo tempo, a cada personagem enfrentei um desafio diferente de preparação e entendimento do que era aquela personagem, como ela fala, anda, pensa... Enfim, tudo isso contribuiu para o meu crescimento profissional. E pessoal também! 

Te incomoda mais as críticas a um trabalho específico ou à vida pessoal. Qual o limite nisso tudo? Com certeza a vida pessoal. Adoro críticas construtivas sobre o meu trabalho! Quando feitas com respeito, podem agregar muito e me mostrar coisas que talvez eu não veria. Em relação a vida pessoal, a única pessoa que tem direito de criticá-la sou eu mesma, afinal sou a dona dela e é a mim que as consequências fazem bem ou mal (risos), por isso me incomodam mais.

Das suas personagens, consegue escolher a mais marcante? Aiiii que difícil! Sou uma atriz apegada as personagens! Hahaha amei muito fazer todas. Mas a Lindinalva, por uma questão dramática, me marcou mais. 

Com Lindinalva, em “Gabriela”, você apanhava do marido e sofria violência verbal. Como foi encarar tudo isso? Como esse trabalho mexeu com você? Foi difícil e fiz uma preparação muito intensa com o Sergio Penna pra conseguir ter bagagem pra levar essa emoção em cena. Era uma personagem com muita carga dramática, outra época, prostituta, sofria muito. Às vezes eu chegava em casa sugada, sem energia nenhuma! Mas quando via no ar, ficava feliz por ter tudo valido a pena. Tinham senhoras que me viam na rua e choravam comigo! Aquilo foi muito especial, foi um trabalho que guardo com orgulho e carinho.

A Bélgica de “Alto Astral” era mazinha e fugiu muito dos papéis anteriores. É mais gostoso fazer vilã? Já dá para comparar algo com as outras personagens? Eu AMEI fazer a Bel! Como era uma novela das 19hs, apesar dela ser vilã, era uma vilã mais leve, tinha humor, era humana. Tive a sorte de contracenar com atores incríveis que me ajudaram muito também (sou apaixonada pela minha "família" de Alto Astral). Não dá pra comparar com as outras, Por que são únicas e diferentes entre elas, mas foi marcante também e guardo com muito carinho 

Saindo um pouco das personagens, como é a Giovanna no dia a dia? Você parece ser mais discreta, mas também não perde uma balada, praia... Eu sou uma menina comum de 22 anos que gosta de dançar, de encontrar os amigos, de passear com os cachorros, de ir à praia. Tenho uma rotina bem "fora" desse meio. Sou tranquila e não deixo de ir a nenhum lugar pelo fato de ser conhecida.



Cantadas, paqueras e assédios, qual o limite entre o elogio e o abuso? Acho que a pessoa tem que ter a sensibilidade de perceber se está sendo correspondida ou se está sendo inconveniente. Um elogio nunca faz mal a nenhuma mulher, eu pelo menos amo receber! Mas tem que ser feito com respeito, sem ultrapassar o limite do espaço do outro. 

Existe algum “cortejo” masculino que você considera infalível na hora da conquista? Alguma dica? Ah... Não tem nenhum "pronto" que seja infalível pra mim. Tem que ser sincero e dizer o que está sentindo, ser natural.

Onde os homens costumam errar na conquista das mulheres e onde acertam? Acho que eles erram na "intimidade". Existem homens que já chegam chegando e às vezes a mulher realmente não está a fim e ele insiste. Isso é muito chato. Acho que eles acertam quando chegam suave, dizem o que tem que dizer e esperam pra ver se a mulher vai corresponder ou não. Se ela corresponder, ponto pra você e aí sim seguimos conversa para ver o que acontece. 

Do que não abre mão de jeito nenhum em nome da beleza? Conforto! Tenho que estar me sentindo bem e confortável independentemente da moda ou do que estou vestindo. Saúde também não abro mão por beleza. Não existe mulher bonita que não esteja saudável! 

Verão chegando... Você curte praia ou é mais de balada à noite? Onde vai ser fácil te encontrar? Depende. Sou geminiana então depende do dia. (risos). Do que quero da noite. Enfim, de dia ir na praia, e de noite sair para dançar com os amigos! 


Quando você se acha sexy? E que "armas" usa quando quer ser sexy? Toda mulher tem seu lado sexy e o mostra quando e pra quem quiser. Eu por exemplo acho algumas mulheres super sexy quando acordam, com o cabelo bagunçado, natural. Mas quando estou produzida pra algum ocasião especial eu me sinto. Acho que as armas que deixam a mulher mais sexy é ter uma boa risada e ser espontânea! 

Você encerra o ano com duas novelas e muito trabalho legal. Que saldo você faz de 2015 e o que espera de 2016? Meu ano de 2015 foi maravilhoso! Bélgica e Luana foram dois presentes que fizeram parte de 2015 e da minha vida. Pra 2016 espero trabalhar bastante, viajar bastante, e continuar fazendo o que amo! Muita saúde e alegria para todos os meus amigos e família é o que eu desejo pro ano que está chegando.

Nenhum comentário:

Postar um comentário