segunda-feira, 10 de novembro de 2014

MOTOR: KAWASAKI NINJA H2R Surge como nova categoria de hiperesportivas com alta performance

A Kawasaki apresentou mês passado durante Salão de Colônia (Alemanha), a sua mais nova máquina, a Ninja H2R, a versão mais esportiva da Kawasaki Ninja H2, cuja estreia oficial ocorrerá na mostra de Milão (Itália) agora em novembro. O modelo impressiona por seu motor de 300 cv, ou seja, ela entrega mais potência que um protótipo do Mundial de MotoGP. Tudo isso graças ao motor de 998 cc com quatro cilindros em linha, refrigerado à líquido, com compressor mecânico (supercharger).  

Para aperfeiçoar ainda mais sua aerodinâmica, o motor traz carenagens de fibra de carbono como se fossem “asas”; desenvolvidos pela Kawasaki Heavy Industries, divisão de motores e produtos aeroespaciais da marca. A Kawasaki também repensou alguns detalhes que fazem toda a diferença, como um tipo de chassi de treliça mais puro, feito em aço e com uma distância entre eixos mais curta, no estilo da Ducati, com o braço oscilante apenas de um lado. Segundo a empresa, ele é flexível e foi desenvolvido para suportar altas velocidades sem perder estabilidade. Garantindo uma aceleração nunca vista antes em uma motocicleta de produção. A Ninja H2R contará ainda com freios Brembo de alta performance e pneus lisos Pirelli, enfatizando sua relação com o Mundial de Superbike.

A divisão de aviação da Kawasaki tem trabalhado no sentido de garantir o máximo controle e reduzir a resistência do vento em altas velocidades. Deixando para trás motos esportivas com 200 cavalos e até mesmos alguns carros esportivos quando se fala em “cavalaria”. Com esse desempenho incrível, não é à toa que ela traz o nome “Ninja” e demonstra que está surgindo uma nova categoria de motos, as “hiperesportivas” com alta performance.




Veja vídeo de divulgação:




Nenhum comentário:

Postar um comentário