sexta-feira, 29 de agosto de 2014

ENTREVISTA: Kayky Brito em nova fase de sua carreira se prepara para novo personagem na TV

Kayky Brito começou a carreira ainda muito menino, cresceu entre luzes, câmera e muita ação, dentro e fora da TV. Praticante de esportes diversos movimentar-se é sua praia. Estudar e aprender sempre mais também, isso rende novos desafios e novas oportunidades de mostrar o seu talento seja como ator ou apresentador. Reservado Kayky não é do tipo que expõe a vida pessoal, mas sabe lidar com a imprensa e com quem quer saber um pouco além do artista. 

Sua vida de ator começou com um musical, 'Marcelo Marmelo Martelo', como foi esse início? Tem vontade de se aventurar em outros musicais?Minha primeira experiência na classe artística começou com comerciais e logo depois tive o prazer de fazer o teste para “Marcelo Marmelo Martelo”, da Ruth Rocha. No ano passado, fiz o musical “Uma Luz cor de luar”, do Thiago Gimenez. 

Muito jovem você fez papeis bem inusitados, já foi vampiro (O Beijo do Vampiro) e menino que se vestia de menina (Chocolate com Pimenta), o que te move na carreira de ator? Na minha opinião, a emoção de criar um personagem novo é o que move a carteira do ator. Sinto que esse é o começo da minha carreira e que tenho muito que criar e aprender.

Sua última novela foi em 2010, já são quatro anos longe da teledramaturgia... Esse tempo é bom para novos projetos, experimentar novos formatos? Tive a honra de descansar, criar, estudar e me informar de coisas novas que o mundo tem a nos mostrar.

Já foi confirmada a sua participação na novela das 19h que substituirá a atual “Geração Brasil”. Já sabe de algo que possa nos adiantar? Eu viverei o médico Israel, na novela “Alto Astral”, com estreia prevista para novembro. 

Quais os planos para antes do início das gravações? Já começamos a leitura dos textos e as gravações devem começar em setembro.

Como foi encenar em inglês no filme polonês “Finding Josef”? Qual o maior desafio nesse filme? Falar inglês mesmo que estudando o personagem, foi uma novidade para mim.  Este convite veio do diretor Moisés Menezes, e me preparei como pude. Passando as gravações, fui estudar teatro no exterior.

O público te viu crescer na TV. Como lida com a fama, com as pessoas te abordando na rua, quando se sente “invadido”? Vejo da forma mais normal, isso sim, é o reconhecimento do trabalho. Me sentiria ofendido se o meu trabalho não fosse reconhecido. Sou muito grato a todos, fãs e vocês, jornalistas, pelo bom rumo que a minha carreira tomou.

Irmão de irmã famosa. Além de ter de lidar com a imprensa sobre sua própria vida, como lida com notícias (fofocas) sobre sua irmã? Rola um cuidado, uma proteção? Acho muito interessante este mundo fora da arte onde se lida com a fofoca e com as vidas alheias. É um mundo paralelo que atrai interesses de pessoas em saber da vida dos outros. Acho engraçado, na maioria das vezes, quando não falam somente da minha carreira e dos meus projetos. Jamais desrespeitarei o que falam, mas nunca vou conseguir entender o que querem ver e saber do artista, fora a carreira dele.


Jovem, bonito, famoso, assédio não deve faltar, né? Como lida com a mulherada? Pretensão de relacionamentos sérios ou o tempo agora é de curtir a vida de solteiro? Não costumo falar da minha vida pessoal, mas lido bem com o assédio e agradeço a todos pelo carinho e, com certeza, o tempo agora é de trabalhar muito focando na novela “Alto Astral”.

O que você admira numa mulher? E o que elas deveriam aprender com os homens? Admiro a personalidade de uma mulher e o relacionamento de hoje em dia é uma troca de amor e companheirismo. Não precisa nada, além disso, para as mulheres se sentirem protegidas e atraídas pelos homens.

Você é um cara muito vaidoso? Onde e como você é mais vaidoso? Não me acho vaidoso, sou tranquilo em relação a isso. Faço tudo normal do dia a dia, mas não dispenso fazer uma sauna de vez em quando e gosto muito de praticar esportes.

Falando nisso... Praticante de esportes como surf, escalada e slackline, que papel eles têm em sua vida? Qual o que mais te empolga? Como disse acima, amo fazer esporte e acho que sem praticar alguma atividade, não me sinto completo na minha carreira. Adoro conhecer esportes novos que possam inovar no meu lado profissional e na minha vida pessoal.

Em 2012 você rodou o Brasil com a peça “Fica Frio”, algum projeto em andamento para teatro? Além dessa peça, no ano passado, eu viajei em turnê com o musical “Uma luz cor de luar”, onde pude atuar ao lado de grandes nomes como Totia Meireles e Anderson Muller. Quero muito voltar aos palcos, mas o meu foco agora é a novela.

Fotógrafo Alessandro Cecconi
Assistente Vitor Jorge
Diretora de arte Jacqueline Sperandio
Produção executiva Marcia Dornelles
Make Guto Moraes
Styling Xico Gonçalves
Locação C'est La Vie Joá Guest House

Kayky Brito veste: Look 1 - Camisa Acostamento, Calça Jonny Size, Mocassim Spazzolato para Lojas Paquetá, Look 2 - Camisa Individual, Calça Base, Sapato Jonny Size

Nenhum comentário:

Postar um comentário