sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

ENTREVISTA: Klebber Toledo firma-se como um dos nomes mais prestigiados da nova geração

Desde cedo Klebber Toledo sabia o que queria e foi em busca dos sonhos saindo de casa aos 15 anos. Atleta, aprendeu sobre responsabilidade e disciplina e traz essa lição até hoje. Uma carreira que começou tímida, hoje ganha cada vez mais espaço, fruto de esforço, talento e humildade. Kleber é um cara de família, trabalha muito e não fala de fama, mas de reconhecimento, o que mostra que não tem espaço para deslumbramento em sua vida. Sonha, mas tem os pés fincados no solo e na crença que para conquistar, tem de trabalhar. Conheça um pouco mais do jovem que conquistou o coração da linda Marina Ruy Barbosa.
 
Aos 15 anos você saiu de casa. E daí fez de tudo um pouco, atletismo, curso de artes cênicas, trabalhou como garçom. Como se deu essa decisão de tentar a vida tão cedo e longe de casa? Como seus pais reagiram? Eu sempre fui muito aventureiro, de me arriscar e na minha casa meu pai tinha uma criação muito rígida, mas minha mãe sempre me apoiou. Tive a oportunidade de sair de casa para jogar. Trabalhei um tempo como garçom, ganhava bem.

Você fez algumas participações antes de estrelar com um papel de destaque em uma novela. Até chegar lá teve algum momento de desânimo? De achar que não conseguiria? Não. Nunca tive esse momento. Nunca pensei em “nunca mais”, mas foi um começo difícil, pois eu não tinha uma pessoa que falasse por mim. Achavam que era um sonho meu e não davam muita importância. Daí o mercado começou a crescer e as oportunidades foram aparecendo.


A novela "Morde e Assopra" te rendeu uma grande visibilidade como ator, além de contracenar com um dos monstros sagrados da dramaturgia brasileira, Kássia Kiss Magro e ainda conquistar uma namorada linda, que é Marina Ruy Barbosa. Essa novela vai ficar na memória? Vai. E vai ser mais uma. Cada trabalho, cada local que a gente passa deixa um pouquinho da gente. A história de Morde & Assopra foi muito intensa. Walcyr caprichou. E Kássia foi uma grande parceira, muito generosa. Cada cena com ela era de muita entrega.

Por falar nisso, Marina Ruy Barbosa foi e é para você... Ela é um presente na minha vida sem dúvida nenhuma. Uma pessoa linda, maravilhosa, companheira... Sou muito amigo da família dela, que sempre me acolheu muito bem. Sou muito feliz ao lado dela.

Você é um cara romântico? Acredita que o homem hoje em dia está assumindo mais seu lado romântico? Eu acho que o homem está até mais romântico que as mulheres. Elas reclamam muito e fazem pouco. (risos) Esperam sempre que os homens façam.
 


No ar na novela "Lado a Lado" você contracenou romanticamente com uma atriz consagrada e linda. Algum frio na barriga? (risos) Ah poxa, o frio aparece sempre por conta da cena. Acho que independente de beleza, dependendo da intensidade da cena, sempre dá uma tensão. Eu chegava para gravar e ficava tenso. Lado a Lado é leve, até por conta do horário, mas muito dinâmica. É uma novela muito bonita. Tem um trabalho de imagem, um cuidado com os movimentos, com as cenas. Fico ansioso para que a cena fique perfeita. E pra isso dá um frio na barriga.

Além de atuar, você canta e dubla. Tem interesse de investir mais nesses outros talentos ou o foco é a carreira de ator? Acabo de fazer um musical, Fama. Foi muito bacana. Eu não cantava. Fui treinando pra cantar no espetáculo. Eu gosto de estudar, faço música, toco piano... Com novela fica tudo mais difícil. Com essa vida eu não posso programar a semana. O trabalho é dobrado, em casa e no estúdio. É uma maratona dobrada.
 


Lado a Lado é uma novela que discute muito dos costumes de um período pós-monarquia, pós-abolição, feminismo, entre outros temas. Isso tudo leva a uma reflexão como cidadão, do que fomos e do que precisamos ser num presente e futuro próximo, em relação a nosso comportamento humano, social e político? Eu acho que quanto mais eu estudo, mais percebo que as coisas se repetem. Sou a favor da paz sempre. Em Morde & Assopra, eu me sentia muito mal. Meu personagem era muito preconceituoso, sem escrúpulos. Gostava de aproveitar o momento certo pra tirar vantagem. Em Lado a Lado a novela conta um pouco da história do país, da política, moda... questões importantes de comportamento. Inclusive gostaria de aproveitar a oportunidade e agradecer e elogiar a equipe de Denis (Carvalho) que é muito generosa e querida comigo. Agradecer a Andrea Cavalcante que está sempre me acompanhando.

O que você não se permite fazer hoje em dia por conta da sua profissão de ator e ter uma imagem a zelar? Acho que na profissão de ator é mais um presente. Acho que é preciso ter certo pudor. Hoje com a internet é muito mais fácil você expor uma pessoa. Mas sou um cara muito à vontade, gosto de comer fora, ir ao cinema, teatro... Não tenho o que esconder. Sou muito do dia. Não sou de fumar. Gosto de beber socialmente... Muitas pessoas vêm conversar comigo por conta dos personagens. As senhorinhas são até mais afoitas. (risos)
 


 

Teatro e cinema estão sempre nos seus planos de lazer? Sempre que posso dou um pulinho no teatro e no cinema. Vou sempre prestigiar os amigos quando tem alguma estréia.

A fama te assusta ou te fascina? Acho que a fama é um resultado do trabalho. E de certa forma para mim não é fama, é reconhecimento. Não vejo dessa forma. Gosto de usar mais essa palavra, reconhecimento. E isso não me assusta.

O que sua fase de atleta deixou para você? O que aprendeu e o que gosta de praticar hoje em dia? Da fase de atleta aprendi a ser mais responsável. Com os treinos aprendi a ter disciplina com tudo, desde hora pra acordar, alimentação, hora de dormir... Hoje em dia não pratico mais vôlei, mas descobri o surf. Eu chego em casa, dou uma corridinha, se der vou pegar uma onda. Atividade física é meu combustível.

Tem alguma rotina de exercícios e dieta durante a semana? Como faz para manter a forma? Na verdade não faço nada para manter a forma. Faço tudo por prazer. Vou para academia com prazer, não tem obrigação. Eu não preciso praticar esporte, eu GOSTO de fazer. Então esse lance da boa forma é conseqüência disso. Quanto à alimentação adoro grelhados, como salada. Mas claro que às vezes como um doce. Até pra sair da rotina.
 


 

Você é ligado em moda? Como lida com o espelho? É muito vaidoso? Aparentemente o pessoal pode dizer que sim, mas sou muito básico. Sempre uma camiseta básica e jeans. O cabelo é que está sempre arrumadinho. Saio do banho, passo um creme e arrumo com a mão. Uso creme também quando pego muita praia e fico muito vermelho. Não me vejo muito vaidoso.

Que peça do guarda-roupa masculino você acha totalmente dispensável? E qual sua predileta? Gosto muito de usar jaqueta de couro. Até por que Marina adora. Visto pra ela. Gosto muito de camisa social lisa. Adoro. Dá uma elegância independente de onde você esteja.

Qual seu maior pecado e qual sua maior virtude? Meu maior pecado é... Acho que como estou sempre trabalhando tanto, além da novela, tenho um sócio, Ricardo, em uma produtora de teatro, projetos de teatro. Daí com todos esses trabalhos termino ficando com pouco tempo perto da família. Ajudo financeiramente, sou o homem da casa junto com meu irmão. Mas eu peco por isso. É tudo tão corrido. Eles trabalham. Mas quando tem um tempo livre mando as passagens pra minha mãe vir sempre. Quando a gente quer, a gente faz. Minha maior virtude... Eu tenho um caráter bem definido. Sou um cara bem família. Procuro ter sempre um sorriso. Procuro zelar pela minha honra, ter respeito com os outros, com minha família, com minha namorada e com meus princípios. 




Fotos Rodrigo Lopes
www.rodrigolopes.com.br
Produção Executiva e Concepção Artistica - Márcia Dornelles - MD PRODUÇÕES www.mdproducoes.com
Beauty  - Breno Mello
Kleber Toledo veste Luigde Especialle - Rio Sul Lj 101, 1º Piso - Tel. 2542.0162


Acompanhe a MENSCH no Twitter: @RevMensch, curta nossa página no Face: RevMensch e baixe no iPad, é grátis: http://goo.gl/Ta1Qb

Nenhum comentário:

Postar um comentário