quarta-feira, 29 de agosto de 2012

CARRO: SMART 2013, pequeno no tamanho e grandioso na economia‏

O Smart ainda chama atenção por onde passa pelo Brasil, mas é importante destacar que ele é um carro muito popular na Europa, afinal, foi por lá que ele nasceu. Que ele é pequeno na estatura não podemos negar, entretanto, consegue ser grandioso na economia, além disso, vamos combinar; este pequeno carro tem muita personalidade e é muito charmoso.

Na verdade tudo começou com o engenheiro Nicolas Hayek, o criador dos relógios de pulso Swatch. Nicolas tinha um desejo de conceber um carro pequeno que fosse econômico, responsável ambientalmente e fácil de estacionar em espaços pequenos. Vale frisar que no transito caótico cotidiano, quanto menos espaço na pista melhor, além disso, já pensou que engraçado; você e sua esposa talvez possam dividir a mesma vaga da garagem.
O desenvolvimento do projeto teve início em 1994, e o primeiro Smart foi apresentado no Salão do Automóvel de Frankfurt de 1997. Hoje, o novo Smart, que agora pertence ao grupo Mercedez Bens, lançou o seu modelo Fortwo 2013, bem mais tecnológico, esportivo e confortável, com o intuito de conquistar o mercado mundial.

O Fortwo 2013 já chegou ao chegou ao Brasil e continua com as suas dimensões consideradas ideais, inclusive comprovadas por estudos, para os grandes centros urbanos. São menos de 2,70 de cumprimento que acaba surpreendendo internamente, para se ter uma noção, o bagageiro surpreendentemente comporta até 340 litros. As mudanças no design começaram pela parte frontal, o novo logo agora está localizado na grade central, as dianteiras receberam novas entradas de ar e linhas tridimensionais. Os faróis, agora com luzes de LEDs, ganharam um desenho muito bonito, que apesar de pequeno, combinam perfeitamente com o tamanho do carro. 

As rodas estão mais largas, de liga leve e 15 polegadas, agradaram bem mais que a versão antiga, e vem personalizada para cada versão. Houve mudanças significativas também na traseira e no pára-choque, que ficou mais uniforme e harmônico. No interior há novos acabamentos em três cores; preto, vermelho ou bege. Nos itens, há coisas interessantes, como; airbags, sistema de áudio navegação multimídia, computador de bordo com uma tela touch screen de 6,5 polegadas, reprodutor de CD e DVD, entrada para cabo USB e conexão Bluetooth. Um detalhe legal, que o GPS já vem com o mapeamento do território brasileiro e em português.


A segurança é uma preocupação da Mercedez, que pôs no carro um controle de estabilidade e freios especiais para situações de emergência. Quanto ao câmbio é automatizado, de cinco marchas, que na versão turbo, as marchas poderão ser trocadas por borboletas no volante. Aliás, o carro conta com o sistema start/stop, que desliga automaticamente o motor quando ele não for necessário ser utilizado, como na parada dos semáforos, o que lhe garante ainda mais economia (redução de gasto de 4,7 litros de combustível a cada 100 km rodado), seu bolso e o meio ambiente agradecem.

O motor que é instalado sobre o eixo traseiro, não recebeu mudanças. Conta com apenas três cilindros de 1.0 litro e rende 71 cv na versão mhd e 84 cv nas outras versões, já que conta com o turbo. O torque é de 9,3 kgfm a 2.800 rpm e 12,2 kfgm a 3.250 rotações respectivamente. Deste modo, o modelo consegue atingir de zero a 100 km/h em 13,7 segundos (a versão com o turbo chega à 10,9 segundos). Vale salientar, que por questões de segurança, a velocidade máxima é limitada eletronicamente a 145 km/h.

Infelizmente esta ideia econômica e ecologicamente correta custa caro no Brasil, já que a versão mais barata chega a R$ 53.000,00, ou seja, o mesmo que sedãs médios como o Ford Focus ou o Golf, que atendem a toda uma família com uma certa medida de conforto e podem encarar uma estrada.


É certo que a vendas de carros supercompactos como este no Brasil não deve ser coisa das mais fáceis, afinal, teoricamente você teria que tê-lo exclusivamente para transitar pela cidade, que por sinal, tem condições muito mais precárias que na Europa, que também tem um transporte público mais evoluído, que possibilita ao dono do Smart deixá-lo na garagem quando necessário e só usá-lo para pequenas necessidades do dia-dia.

“(...) o asfalto ruim das ruas e avenidas de São Paulo maltrata bastante o carrinho – e seus ocupantes. Mesmo pequenas ondulações já são capazes de sacolejar bastante o interior e buracos maiores são repassados sem cerimônia às colunas do motorista e do passageiro. Pelo menos, a boa qualidade construtiva não transparece fragilidade. Já em pisos melhores, como o das rodovias Anchieta e Imigrantes, a firmeza se traduz em razoável segurança e estabilidade para acompanhar ritmos de estrada – ainda que não pareça conveniente passar muito dos 120 km/h”. motordream.uol.com.br (em recente teste drive realizado).

A ideia do Smart é sensacional, mas infelizmente desenvolvida para um contexto socioeconômico longe dos padrões brasileiros, talvez, para quem pode se dar ao luxo de ter um carro de “brinquedo” e outro mais funcional. E para quem está podendo, sem duvida, esta é uma bela aquisição.

 
FICHA TÉCNICA: SMART FORTWO

Motor: versão mhd – A gasolina, traseiro, transversal, 999 cm³, três cilindros em linha, quatro válvulas por cilindro. Injeção eletrônica multiponto e acelerador eletrônico. Versão turbo – A gasolina, traseiro, transversal, 999 cm³, três cilindros em linha, turbo, quatro válvulas por cilindro. Injeção eletrônica multiponto e acelerador eletrônico.

Transmissão: Câmbio automatizado de cinco velocidades à frente e uma a ré.

Tração traseira: Oferece controle eletrônico de tração.
Potência máxima: versão mhd – 71 cv a 5.800 rpm. Versão Turbo – 84 cv a 5.250 rpm

Aceleração: 0-100 km/h: mhd – 13,7 s. Turbo – 10,9 segundos

Velocidade máxima: 145 km/h

Torque máximo: mhd: 9,3 kgfm a 2.800 rpm. Turbo: 12,2 kgfm a 3.250 rpm

Diâmetro e curso: 72,0 mm x 81,8 mm. Taxa de compressão: 11,4:1

Suspensão: Dianteira independente do tipo McPherson, molas helicoidais, amortecedores hidráulicos e barra estabilizadora. Traseira por barra de torção, com molas helicoidais, amortecedores hidráulicos e barra estabilizadora. Oferece controle eletrônico de estabilidade de série.

Pneus: 175/55 R15 na frente e 195/50 R15 atrás.

Freios: Discos ventilados na frente e tambores atrás. Oferece ABS com EBD.

Carroceria: Monovolume em monobloco, com duas portas e dois lugares. Com 2,69 metros de comprimento, 1,55 m de largura, 1,54 m de altura e 1,87 m de entre-eixos. Oferece airbags frontais e laterais de série.

Peso: Mhd – 750 kg. Turbo – 800 kg

Capacidade do porta-malas: 220 litros

Tanque de combustível: 33 litros

Produção: Hambach, França.

Lançamento mundial: 2012
Itens de série: Versão Mhd – Ar-condicionado, vidros e travas elétricos, rádio/CD/MP3/USB/Bluetooth, direção elétrica, freios ABS, controle de estabilidade, Hill Holder, airbags frontais e laterais, controle de estabilidade ESP, desembaçador traseiro, alarme com comando à distância. Versão Turbo e Turbo Cabrio adicionam rádio CD/MP3/USB/Bluetooth com tela sensível ao toque de 6,5 polegadas, leds de iluminação diurna, espelhos elétricos, revestimento interno em tecido claro, conta-giros e relógio no painel. Versão Cabrio Tritop adiciona teto retrátil em tecido preto, azul ou vermelho.

 
Preço:
Mhd – R$ 52.500;
Turbo Coupé – R$ 68.500;
Turbo Cabrio – R$ 72.500;
Turbo Cabrio Tritop – R$ 72.900.
 


Site oficial
 
 
 
 
Fontes: UOL, Mercedez, Whatcar
 
 
Acompanhe a MENSCH no Twitter: @RevMensch, curta nossa página no Face: RevMensch e baixe no iPad, é grátis: http://goo.gl/Ta1Qb

26 comentários:

  1. pENA QUE NO RECIFE NÃO TENHA AINDA UMA REVENDA sMART

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Smart Veículos, na Mascarenha, Imbiribeira.

      Excluir
  2. O carro é muito bom, em todos os sentidos. Consome menos combustivel (bom para o meio-ambiente), ajuda a diminuir os congestionamentos e deve ser uma maravilha para quem procura uma vaga e tem dificuldade em fazer balizas. Porem, pagar R$ 52,000 é um absurdo. Um carro que vem com um conceito como este, pelo menos aqui no Brasil é privelegio para poucos. Eu mesmo nunca deixaria de comprar um New Civic ou um Focus para adquirir um "carinho" como este.

    ResponderExcluir
  3. Um carro que na europa não deve utrapassar os 10 mil reais, aqui no Brasil sera vendido por 53 mil reais e é a versão mais barata. Pobre povo brasileiro adora ser roubado!!

    ResponderExcluir
  4. R$ 52.000,00?? Absurdo total. Aqui no Brasil sempre é assim! Outro dia estava lendo uma matéria que dizia que enquanto muita gente se gaba por aqui com um Jeep Grand Cherokee se achando uma bacana, lá nos EUA esse é um carro de professor de ensino primário. Os preços de carros no Brasil são exorbitantes!!

    ResponderExcluir
  5. É incrível! 52.000,00 num carro desses??? nos EUA ele custa U$ 12,490.00 ou seja.. menos da metade do preço 25.000,00 até quando seremos idiotas?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. anônimo

      simples ate guando o brasileiro der um basta nos impostos abusivos,e parar de comprar crro o

      Excluir
    2. é, só que não para por ai não, já foi provado que mesmo com impostos o preço não chegaria a custar tanto, é um valor colocado pelas próprias vendedoras (fabricas , marcas etc) alegando que já que esta tendo saída é por que o brasileiro tem condições de comprar...

      Excluir
  6. As pessoas que eu vejo dirigindo este carro no Brasil vejo que são aqueles que permitiram ser roubados. POis tem muito dinheiro e não se importam em serem roubados. Pleo Governo, nos impostos, e pela empresa, lucro Brasil. Carro com preco bolhudo, como todos os outros, mas este aí ultrapassou os limites do preço absurdo encontrados na Via Lactea.

    ResponderExcluir
  7. Em Portugal , vi este mesmo carro por 5.700 euros isso em 2006. No Brasil é muito roubo. O carro é excepcional, tem tudo, completo, e só pelo fato de economia e espaço já vale. Mas daí dar 52 mil é zombar da cara alheia e principalmente enganar o povo brasileiro.

    ResponderExcluir
  8. e esse carro e maravilhoso mais sao para poucos e muito caro de mais

    ResponderExcluir
  9. Governo brasileiro ladrao, e quem compra um desse e um burro, pois com o dinheiro da pra comprar ate 2 gols completissimos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem compra é rico mané! Quer comparar um smart por um gol?
      Volta para cozinha, realmente de carro mulher não entende!

      Excluir
  10. Temos que expulsar essas montadoras daqui achando que carrinho pequeno vale essa nota. E o brasileiro tem que deixar de der idiota mesmo, parar de ficar comprando um carro de PROLETARIADO europeu se achando que é o tal. Isso é carro de ir na padaria, gente!

    ResponderExcluir
  11. Os carros são caros no Brasil, porque tem de custear os 39 ministérios(enquanto nos EUA são 13),lotados de "cumpanhêro" e aliados. Pagar a corrupção bilionária dos políticos,que a justiça teima em deixar impunes.O superfaturamento das obras públicas.As mordomias faraônicas dos 3 Poderes, e as viagens milionárias da presidente ao exterior(que agora por Lei,nós não podemos saber quanto gastaram).

    ResponderExcluir
  12. olha so a propaganda encanosa... a poucos dias n passou a reportagem no jornal da globo que o carro estava no valor de 5.000 R$. o Brasil e uma mentira mesmo.

    ResponderExcluir
  13. um absurdo o preço !!!!!!!pq tão caro aqui no Brasil ??????

    ResponderExcluir
  14. Poxa o preço pelo pequeno porte... Poderia ser R $ 20.000, 00.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ta de brincadeira né não viu o cara postar ali em cima que custa menos de R$ 6.000,00 depois colocar a culpa no governo ....falta de informação (burrice)

      Excluir
  15. Achei muito lindo, é tudo que preciso mas,por este preço não mesmo.....

    ResponderExcluir
  16. Bom, eu acho este carro ideal devido ao seu tamanho, pois do jeito que ando o transito (ou seja não anda) e o transporte publico é uma droga, é um carro não para passear e sim para ir ao trabalho levar o filho a escola, até mesmo ir ao mercado caso sua compra não seja muito grande kkkk, bem resumindo eu teria um deste sim porém quem sabe quando ficar mais barato, pois o governo deveria investir neste carro para melhorar o transito, já que não investe em transporte publico, pelo mesmo dois destes carrinhos na rua equivale ao o tamanho de um e se observamos sempre há apenas o motorista no carro (mais espaço nas ruas) principalmente aqui em Salvador que as ruas são minúsculas

    ResponderExcluir
  17. Este carro ele será meu em um período de 12 meses,amém..ele é a paixão da minha vida...parabéns ao construtor destra belezinha eu não gostava de carros por que eles ocupam espaços e não são nada econômicos e não ajudam muito a natureza,mas vendo esta criação estou morrendo de vontade de entrar em desses....muito mais lindo do que qualquer outro carro já inventado...morram de invejas ele todo meu...lindo,fofo,maravilhoso, acelerado,gostoso...chic de doer ok...kkkkkk...

    ResponderExcluir
  18. Vai gostar de ser roubado..... pq o governo vai investir em carro barratos e eletrico economia e tudo tal, se estão achando petróleo... o valor desse carro é um absurdo e carro para ir no mercado, padaria etc.

    ResponderExcluir
  19. Achei este carro muito legal, agora só quem compra ele é quem tem muito dinheiro ou é político ladrão ou burro.....

    ResponderExcluir
  20. Todo mundo fica falando que as coisas custam caro aqui por causa de imposto, isso não é uma verdade absoluta...As empresas adoram o Brasil, aqui se ganha muito dinheiro...Enquanto na Europa e nos EUA as montadoras tem lucros liquidos que variam de 4% a 12%, nenhuma delas aqui trabalha com margem abaixo de 22%, portanto.....Pq um carro desse na Alemanha custa 5mil euros já com impostos ??? Nós é que somos os eternos tupiniquins explorados por todos.

    ResponderExcluir
  21. Ameeeeeei o carro!!! Pena que seja tão caro assim!!!

    ResponderExcluir