terça-feira, 28 de dezembro de 2010

As 10 Melhores Invenções (high tech) de 2010


Numa de suas últimas edições do ano, a revista TIME publicou em sua capa uma matéria sobre "As 50 Melhores Invenções do Ano". Estavam lá invenções nas áreas de saúde, tecnologia, transporte, moda... dentre outras. Selecionamos 10 dessas 50, as 10 Invenções High Tech mais legais de 2010 e mostramos para vocês.
01 – IPad
Como a Apple consegue se manter sempre no topo da indústria de tecnologia? Muitas vezes, é por reinventar uma categoria de produto que os seus concorrentes ainda não tenham pensado. Em teoria, o IPad é meramente uma continuação de tal forma retumbante e impopular de computadores como Tablet PC da Microsoft. Quando ele chama os resultados de "mágicos" e "revolucionários", é distorcer a realidade só um pouco. Um analista diz que o IPad é o gizmo nonphone de vendas mais rápidas na história da eletrônica de consumo. E o que se viu esse ano foi a febre do IPad. O brinquedinho mais desejado desse Natal que possibilita acesso a livros e revistas digitais, assistir filmes e ter acesso a tudo que a internet proporciona. Tudo isso numa tela colorida e com muitos pixels à disposição.

02 - Looxcie
A praticidade das filmadoras agora ganhou um novo conceito. Quer filmar tudo o que você vê e do jeito como você vê? A câmera Looxcie faz isto. É só deixá-la ligada na orelha – ela vai filmar tudo o que está acontecendo seguindo o seu campo de visão. Looxcie pode capturar tudo o que o usuário vê, por até cinco horas, de mãos-livres. Ela vai gravando sem parar, apagando as imagens antigas e filmando as novas. Se você viu algo que merece ser salvo, aperte um botão e pronto. Os últimos 30 segundos do filme pode ser enviado para uma página no Facebook, YouTube ou um endereço de e-mail pré-definido.
US$ 199
03 - Sony Alpha A55
As tradicionais câmeras SLR digitais tiram fotografias mais bonitas, mas elas são prejudicadas por uma limitação de décadas técnica: quando você tirar uma foto, o espelho que vem redirecionando a imagem para o olho e um sensor de foco aparece momentaneamente como a imagem é capturada. Até que ele vai voltar para baixo, a câmera não consegue focar. Sony Alpha A55 que corrige com um engenhoso espelho translúcido que permanece estável. Isso significa que você pode tirar até 10 fotos por segundo perfeitamente focados e gravar vídeo HD, que nunca fica borrada. Bônus vantagem: sem a necessidade de alocar espaço interior de um espelho em movimento, a Alpha é visivelmente menor e mais leve do que seus irmãos Sony SLR.

Ambas são capazes de filmar em alta definição, a A55 com 16.2MP, e a A33 com 14.2MP. Os dois modelos também compartilham um visor LCD de 3 polegadas que gira e dobra, além dos recursos padrão de câmeras da Sony, como 3D Sweep, Auto HDR e Multi-Frame Noise Reduction. Os preços da A55 e da A33, são de US$ 750 e U$ 650, respectivamente, em suas versões "apenas corpo", e por US$ 850 e U$ 750 acompanhando uma lente 18-55mm.

04 - Carro Elétrico
O problema dos carros elétricos virarem popular é a falta de estrutura. Pra isso acontecer, é preciso que haja uma rede de estrada com recarregadores incorporados ou uma série de estações onde os motoristas possam recarregar suas baterias - semelhante ao dos postos de gasolina - um carro elétrico é inerentemente limitado. Coulomb Technologies está trabalhando para quebrar esse impasse. A empresa está construindo um sistema automatizado de estações de carregamento em locais públicos que estão ligados aos serviços públicos, de forma responsável para o serviço possa ser incluído na fatura de eletricidade em casa. Ou ainda a Coulomb, oferece um número toll-free onde se pode pagar com cartão de crédito.

Os primeiros “ChargePoint”, estações de carregamento, estão instalados e disponíveis para carregar em algumas cidades americanas em mais de 27 estados dos EUA, Canadá e Europa. São previstos 1800 de 240 volts a serem construídos através do projeto America ChargePoint. Patrocinado por Coulomb Technologies, o projeto de US$ 37 milhões é apoiada por US$ 15 milhões de subvenção, concedida através da Lei de Recuperação. O ChargePoint americano vai fornecer 4.600 estações de carregamento de rede para residências e locais públicos até outubro de 2011, acrescentando à rede existente ChargePoint. O projeto ChargePoint americano vai coletar dados sobre o uso do veículo e os padrões de carregamento, que serão analisados pela Purdue University e da CORÇA Idaho National Laboratory. Esse ano a instalou a primeira a instalar uma rede ChargePoint estação de carregamento do programa em Orlando, Flórida.
05 - Martin Jetpack
A idéia do Jatpack não é inovadora, já vimos algo parecido em filmes de ficção e até mesmo em alguns testes tempos atrás. O Martin Jetpack foi criado na Nova Zelândia pelo inventor Glenn Martin, passou quase 30 anos desenvolvendo o projeto. A versão de Martin não é das mais práticas. Ele soldou dois sopradores de folhas enormes juntos e jogado em um arnês. Em fibra de carbono e um motor a gasolina, de 200 cavalos de potência - mais poder do que um Honda Accord - que transforma um par de rotores de carbono-Kevlar. Teoricamente, o Martin Jetpack poderia elevar o seu operador até 8.000 pés, porque defende que vale apenas 30 minutos de combustível, porém. A aplicação comercial pode ser mais para salvamentos de emergência. O Jetpack será vendido por cerca de US$ 100.000; os testes de campo começam em 2011.




06 - Terrafugia Transition
O Terrafugia Transition pode redefinir o conceito de carro conversível. Desenvolvido por uma equipe de engenheiros de aeronáutica do MIT, incluindo os co-fundadores do Terrafugia, Carl Dietrich e sua esposa Anna Mracek Dietrich, a transição é por uma rua legal, navegabilidade, carro equipado com airbag-e-pára-quedas. Um carro-voador de 200 mil dólares é um preço inferior a um Lamborghini. Com suas asas retraídas como balizas de futebol, a Transição, cujos 100 cavalos de potência do motor fica com 35 mpg em terra firme, não vai ser páreo para um carro esporte italiano. Mas estender as asas de gaivota do veículo e de transição da retaguarda-hélice-powered pode voar com dois passageiros cerca de 500 quilômetros a uma velocidade de cruzeiro de 105 mph Depois de pousar, você não vai ter problema com locação para guardar seu veículo.




07 - English-Teaching Robot
A Coréia do Sul, que emprega cerca de 30.000 estrangeiros para ensinar Inglês, tem planos para uma nova adição à sala de aula a sua língua: o robô que fala Inglês. Os estudantes em algumas escolas começaram a aprender Inglês com robô-professor no final do ano passado, até o final deste ano, o governo espera tê-los em cerca de 18 escolas a mais. Os coloridos andróides são parte de um esforço para manter os estudantes sul-coreanos em aulas de Inglês. Não surpreendentemente, a proposta tem preocupado alguns professores humanos - e com razão. Especialistas dizem que os robôs poderiam eventualmente substituir os professores estrangeiros de carne e osso por completo.

Após vários meses de testes, Coréia do Sul vai gastar cerca de US$ 45 milhões para colocar assistentes robóticos em 500 escolas de aula em 2011 e 8.000 pré-escolas e jardins de infância em 2013. Se este programa “schoolbot” revelar eficácia, os robôs - que ensinam através de reconhecimento de voz e tecnologia de aprendizagem - pode invadir escolas também. Para seu crédito, os jovens estudantes não parecem particularmente perturbados por seus bizarros robôs-professores. Foi apurado que os alunos encontram diversão fácil nos robôs, mas vídeos só mostram os estudantes visivelmente frustrado por software de seus professores de reconhecimento de voz.

08 - Antro Electric Car
O carro da empresa húngara Antro está aqui com seu design inovador e revolucionário. A empresa está a caminho de desenvolver um carro muito interessante que se divide em dois carros menores. O conceito do Antro Duo é de um carro de seis lugares, híbrido-solar, que se divide em dois carros Antro Solo, que são veículos de três lugares. O carro vem com um drive híbrido e células solares no teto que são capazes de fornecer energia suficiente para impulsionar um único veículo de três lugares por 12,5 milhas antes que a fonte de alimentação seja necessária. Este carro elegante e bonito de ver está sendo esperado para chegar ao mercado em 2012.

09 - eLegs Exoskeleton
Uma boa notícia para os pacientes paraplégicos, o eLegs foi criado para ser capaz de suportar - para não mencionar dar alguns passos - em seu próprio poder. Algo difícil de imaginar a algum tempo até então. Mas os fabricantes de eLegs, um exoesqueleto inovador, as pernas robóticas da prótese uso de inteligência artificial para "ler" os gestos dos braços através de um conjunto de muletas, simulando uma marcha natural do ser humano. É o primeiro dispositivo que proporciona isso sem uma corda, ou algo do tipo como ajuda. O eLegs foi inspirado no exoesqueleto militar que os soldados usavam para levantar mochilas pesadas, e é um dispositivo para vestir biônico que usa um gesto baseado em interface homem-máquina. Utilizando uma série de sensores, em tempo real o computador se baseia em informações do usuário para facilitar a entrada de todos os aspectos de um único passo. O protótipo atual permite ao usuário andar em linha reta, ficar na posição sentada, fique por um longo período de tempo, e sentar-se de uma posição ereta. Pesando apenas 45 quilos, o dispositivo é fácil de colocar e dos transportes. Um ajuste cintura facilita a manobra através de portas e corredores. O dispositivo requer alguma adaptação, e estará inicialmente disponível apenas em centros de reabilitação para uso com um fisioterapeuta treinado, mas pode atingir o mercado doméstico em 2013. "Queremos reforçar a sua independência e liberdade de movimento. E com eLEGS, eles podem se levantar e caminhar pela primeira vez desde sua lesão.” diz o CEO biônica Berkeley, bender Eythor.





10 - Óculos 3D
Avatar levantou a bandeira para filmes em 3D, e com isso a popularização do óculos 3D. Com isso chegou ao mercado os óculos 3D que reduzem o brilho da imagem em até 50%, porém se você for míope, você tem que colocá-los sobre seus óculos regular, duplicando o quociente de nerd. Pensando nisso os novos produtos da Oakley Inc., que tem parceria com a DreamWorks Animation, criaram lentes oticamente corretas (mais clareza, menos efeito fantasma), e a Samsung, que está lançando óculos de grau para os seus televisores 3D. Em ambos os casos, só vendo para acreditar. O fabricante da Oakley vai lançar dois pares de óculos 3-D, em branco e preto por US$ 120. Marchon seguirá com óculos Calvin Klein 3D esse mês, por US$ 180, e o Óculos 3D Xpand estão disponíveis para pré-venda na Amazon. "O que nós inventamos dá uma experiência melhor", diz Colin Baden, CEO da Oakley.

A maioria dos filmes são mostrados no chamado formato "passivo". A maioria das novas TV 3D define uso da tecnologia "ativo" e óculos com bateria que pode ser usado apenas para o modelo específico de TV. Assim, os novos modelos 3D da Sony (SNE), Panasonic (PC) e Samsung têm óculos ativos que não podem ser misturados e combinados com TVs diferentes.

Um comentário:

  1. Bacana o Blog, seria legal uma página para Ideias Criativas Brasileiras, eu até arriscava, temos muitas coisas para mostrar, um forte abraço e muito sucesso.

    doralmir@multikombrasil.com

    ResponderExcluir